REVISTA CARAS EM 2011

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis

sábado, 9 de fevereiro de 2013

UMBANDA RITUAIS E MITOS


Vamos de um certa forma tentar explicar rapidamente um pouco dos diferentes rituais. Comecemos por definir o que e ritual:
Ritual e uma forma particular  de se cultuar o alto do altissimo, e cada religião possui seu ritual própio, que se distingue de todas as outras  religiões e proporciona a seus fiéis uma individualização no momento em que se coloca em cantato mental com a divindade maior que rege sua religião crença ou seita.




O ritual identificador de uma religião, tem como função envolver, estimular e congraçar em um mesmo nivel vibratorio mental e religioso todos os seus fiéis, ou seja quando todos os seres reunidos num mesmo espaço desarmam seus emocionais, anulam suas intolerâncias, animosidades, receios, medos e angustias e possam vibrar em um mesmo sentido a fé em DEUS.




Nosso ritual umbandista vem de uma mistura ou integração de varios rituais e religiões, muitos pensam que a raiz da lei de umbanda vem apenas do africanismo, mais na realidade ela vem em suma da mitologia e ciência indigena povo que existia em grande numero no Brasil, antes de virar colonia de Portugal, nossa lei possui rituais muitas vezes incompleendidos por varias pessoas como as oferendas, desenvolvimento mediunico, pontos riscados, pontos cantados, utensilios de cultos tais como sinetas, atabaques, velas e ate mesmo o bater de palmas.
Apartir de agora começarei por descrever cada um deles mostrando de onde se originaram seu fundamento e seu uso hoje dentro dos terreiros de umbanda, fazendo uma sincronia com os rituais de onde se originaram para que possa ficar claro suas origens

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis