REVISTA CARAS EM 2011

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis

segunda-feira, 2 de março de 2015

Efun, Osun e Waji:






Diferenças entre efun, osùn e, wàji , estes facilmente importados do continente Africano, não havendo a necessidade de substituí-los.
Efun é um nome dado a vários tipos de pó, utilizados nos rituais afro brasileiro. É conhecido na Umbanda como pemba, nome também usado pela nação angola.
Efun mineral é um pó retirado de calcário, que são encontrados na natureza em várias cores, também. É utilizado na feitura de santo que serve para pintar o corpo do yawo, chamada de efum fum (pó branco).
Efun vegetal é um pó retirado de frutos tipo: obi, orobo, aridan, pichurin, nós-moscada e folhas sagradas. A mistura do efun mineral e o efum vegetal recebe o nome de atin e só deve ser preparada pela iyaefun ou iyalorixa. A farinha de mandioca é chamada naturalmente de efun nos terreiros de candomblé.
No Afro-brasileiro utilizamos somente três pinturas durante a cerimônia do EFUN AGBÉ:
- Efun - Um tipo de argila branca
- Osùn - Um tipo de pó vermelho terra cota, obtido da árvore Baphia nitida e Peterocarpus osun ambas Leguminosae Papilionoideae
- Wáji - Um tipo de pó azul anil, obtido da árvore Indigofera sp. Leguminosae Papilionoideae.
Cada uma destas cores estão relacionadas com determinados Odus e existem vários significados para as pinturas, poderei citar as três principais a saber:
As três representam as três passagens do dia, o amanhecer (efun), o crepusculo (osùn), e o anoitecer (wàji).
A pintura também representam uma forma de proteção contra as forças maléficas das três principais Iyami Àjé (as feiticeiras) impedindo-as que pousem sobre as pessoas e uma das principais caracteristicas destas pinturas, tem como objetivo vincular todo o àse transmitido ao noviço durante os ritos da iniciação.
O Wáji é muito importante no culto aos Orixás, uma vez que, junto com outros elementos, ajuda a proteger a cabeça dos nossos iyawos contra as Ajé. Segunda a crença africana essas pinturas impediriam que eleyé (ave ligada as Iyami) pousasse no ori dos recém iniciados, caso isso ocorresse seria um desastre para a pessoa

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis