REVISTA CARAS EM 2011

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis

domingo, 1 de maio de 2016

DEMÔNIOS... ELES NÃO EXISTEM !


PORÉM FORAM CRIADOS ESTES PERSONAGENS, PARA JUSTIFICAR ERROS E FRAQUEZAS HUMANAS... OS BODE-EXPIATÓRIOS.
TODAS AS PESQUISAS DOBRE O ASSUNTO APONTARÃO PARA AS ESCRITURAS
HUMANAS, TIDAS COMO SAGRADAS.
ESCRITAS POR TANTOS E TANTOS HOMENS EM TANTOS E TANTOS TEMPOS DISTINTOS E DISTANTES.
VEJA O QUE É ESCRITO SOBRE ESSE TEMA POR EDSON ROSA NO BLOG DIÁRIO DE UM TEÓLOGO:


Qual seria a origem dos demônios?

Entre os teólogos há muita divergência entre as suas origens, a bíblia não fala onde surgiram, mas há bastantes especulações sobre suas origens. Vamos aqui considerar, somente as mais difundidas. Segundo Myer Pearlman (2006), anjos caídos é uma coisa e demônios são outra,
Os anjos foram criados perfeitos e sem pecado, e, como o homem, dotados de livre-arbítrio. Sob a direção de Satanás, muitos pecaram e foram lançados para fora do céu. [...] As Escrituras não descrevem a origem dos demônios. Essa questão parece fazer parte do mistério que envolve a origem do mal. ( Pearlman,2006, p.97).

Magno Paganelli (2008) afirma que
Por ora, quero refutar o conceito de alguns pregadores que ensinam (ou confundem?) que anjos caídos, os anjos rebeldes, ao serem lançados do céu, transformaram-se em demônios e passaram a atormentar os homens. Essa é uma das mais fantasiosas e irresponsáveis invenções bíblicas que tenho ouvido. “Não posso sequer chamar de interpretação bíblica, uma vez que não existe um só versículo que apóie ou permita tal interpretação” (p. 28-29).

O entendimento da citação parece bem fácil, anjo caído é uma coisa e demônio é outra, contudo, não é bem assim, por não encontrarmos nas Escrituras a origem para os demônios foi de praxe ao longo dos anos, que os demônios são os anjos caídos que não apresentam tanta ferocidade, e essa é a teoria mais aceita pelas pessoas, ou seja, que um ser criado no céu e caído, hoje vive dentro de outros seres caídos, para fazer com que estes caiam.

Se lermos novamente essa frase, veremos que os papéis desses demônios são de uma tremenda falta de necessidade, pois fazer cair algo que já é caído soa de forma incoerente. Então, seria outro motivo que esses demônios apareceram?

Ao que diz respeito a essa nomenclatura, segundo Waldomiro Francisco (2005, p.71), “o vocábulo demônio vem do grego daimóion, pelo latim daemoniu. Nas religiões antigas, era o gênio inspirador do bem ou do mal que presidia o caráter e o destino das pessoas”.

Como podemos observar a origem da palavra “demônio” pode nos dar uma compreensão melhor do que qualquer especulação bíblica. O conceito filosófico nesse momento nos traz a ideia. Os demônios eram tidos com bom ou mal e não passavam de influências na vida de uma pessoa. Agora se chega a um ponto chave para uma definição, sendo que se caracteriza uma possessão demoníaca por meios de problemas psicológicos o leva a vários sintomas de loucura, seriam os demônios frutos da perversão humana devido a queda? E o que agora será apresentado, possessão, todas serão verdadeiras ou simplesmente são frutos da loucura humana?

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis