REVISTA CARAS EM 2011

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis

sábado, 28 de novembro de 2015

Antropólogo lança livro no Gantois sobre mulheres de fé



A participação dos povos africanos foi fundamental para a formação da sociedade do nosso país. Vestuário, indumentárias, culinária, música, dança e, principalmente, a religiosidade.

Os primeiros Candomblés eram constituídos em grande maioria por mulheres. E foi com sua vivência de Candomblé e baseado nas referências sobre as mulheres de origem africana que o antropólogo Raul Lody escreveu o livro: "Moda e História – As Indumentárias das Mulheres de Fé", pela Editora Senac de São Paulo.

O livro apresenta as mulheres de fé, com suas indumentárias, em pleno desempenho de suas funções ou na manifestação de sua religiosidade, exemplos marcantes da relação entre o sagrado e a cultura.

As fotos são do fotografo e pesquisador francês Pierre Verger, que viveu na Bahia e viajou por muitos países, conhecendo diferentes povos e culturas. As fotos que compõem o livro foram tiradas entre 1950 e 1970, com registros fotográficos do golfo do Benin na África, o Recôncavo baiano e Salvador.

O prefácio é da célebre Mãe Carmen, atual Yalorixá do Terreiro Ilé Ìyá Omi Àse Ìyámasé, conhecido popularmente como Gantois. Mãe Carmen é filha carnal de Maria Escolástica da Conceição Nazaré, conhecida como Mãe Menininha, que dirigiu o Terreiro por mais de 90 anos.

A tarde de autógrafos acontecerá neste sábado, 28 de novembro, às 17h, no Terreiro do Gantois. Rua Mãe Menininha 23, Alto do Gantois, Federação, Salvador/BA.

Axé!

Compartilhe

WhatsApp Windows Gadget Pocket Flipboard Blogger Facebook Twitter Google+ LinkedIn Pinterest Addthis